Venda de refrigerantes em escolas pode ser proibida

Postado em 22/06/2016 |

Uma vitória: a Comissão de Seguridade Social e Família aprovou projeto do deputado Fábio Ramalho (PMDB-MG) que proíbe a venda de refrigerantes nas escolas de educação básica (do primeiro ao nono ano), públicas ou privadas (PL 1755/07). 

A proposta recebeu parecer favorável da relatora, deputada Zenaide Maia (PR-RN). Ela concordou com os argumentos do autor do projeto, de que o aumento dos índices de obesidade infantil no País está diretamente relacionado ao consumo de alimentos como salgadinhos e refrigerantes vendidos nas escolas.
 
Dados
 
Ela citou levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), feito com base na Pesquisa de Orçamento Familiar (POF) realizada em 2008-2009, que aponta que 14,3% das crianças entre 5 e 9 anos são obesas. O problema atinge todas as classes sociais, em todas as regiões brasileiras. “Estamos vivendo uma epidemia de excesso de peso. A sociedade precisa buscar alternativas para combater esse problema”, disse Zenaide Maia.
 
Estudos científicos
 
Há um consenso geral sobre o porquê as bebidas adoçadas com açúcar são tão relevantes no ganho de peso. As calorias de bebidas tipicamente não saciam.
 
Estudo publicado na revista Pediatrics mostra evidências da relação entre a bebida açucarada e obesidade infantil, sobretudo na idade pré-escolar.
 
Os pesquisadores acompanharam 9.600 crianças desde o nascimento até os cinco anos de idade e identificaram um padrão de consumo de bebidas açucaradas em crianças a partir dos dois anos, o que preparou o terreno para que engordassem excessivamente alguns anos depois, informa artigo da Scientific American - Brasil.
 
“Se você beber 110 calorias com sua refeição, não comerá 110 calorias menos de alimentos”, explica Yoni Freedhoff, especialista em obesidade e professor assistente de medicina familiar na University of Ottawa. “Deveríamos reduzir o consumo de calorias líquidas de todas as fontes, independente da nossa idade. Não estou ciente de qualquer bebida cujos benefícios de saúde não possam ser obtidos de sólidos muito mais saciantes”.

fonte: Agência Câmara

Navegue no portal

O Portal da Asbran está sempre com novidades para melhor atender você. Aqui você vai encontrar muita informação, acessar publicações, resgatar a memória e conferir o calendário de eventos.

TÍTULO DE ESPECIALISTA

em nutrição

CONBRAN

congresso de nutrição

CANAL ASBRAN

vídeos

MEMÓRIA ASBRAN

nossa história

REDE ASBRAN

associe-se

REVISTA DA ASBRAN

eletrônica

AGENDA DA NUTRIÇÃO

eventos programados

PRONUTRI

nutrição clínica